sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Eminente

O Natal pra mim é só mais uma data que passa claramente despercebida ano após ano. Todas aquelas pessoas que nunca me dão um oi ou sequer se preocupam comigo, aparecem cobrando intimidades que eu não admito. E meus pais não admitem eu virar a cara para eles, ou qualquer coisa do gênero. Jantares disfarçados, escondendo mil e um sentimentos de mágoas guardadas pelo ano atrás de um sorriso. Eu odeio o natal. Eu sinto falta da minha vó, e tenho inveja dessas famílias unidas. Não consigo nem organizar um amigo secreto entre a minha família no natal. 
A coisa que eu mais gosto no natal é a decoração. Enquanto as pessoas emanam frieza entre seus sorrisos falsos, a decoração aquece e deixa tudo mais especial. É tão mágico você se preocupar em tirar da caixinha os enfeites e montá-los, encaixar as peças da árvore, ligar as luzes e vê-las refletidas nas paredes em suas muitas cores. 






Eu só acho que o natal deveria ser Natal. 

5 comentários:

Júlia Souza. disse...

Natal é tempo de estar feliz - ou ao menos parecer feliz. Temos que ter uma foto com toda a família sorridente, para podermos tentar acreditar nessa mentira de "para sempre unidos".
E como o Natal deveria ser "natal", para você?

Rafaela. disse...

Oh Yasmin, essas decorações são lindas.
Eu gosto do Natal, Chérie, mas é pena que as famílias não sejam todas unidas, minha incluída.

Yasmin disse...

Júlia, eu acho que o Natal deveria ser uma celebração de tudo de bom carregado durante o ano.
E não são mesmo, Rafaela? Eu já não sei mais se amo ou se odeio.

Má Midlej disse...

Poxa, quanta sinceridade bem aplicada. rs
Eu penso quase tudo isso aí e quando eu li ''eu sinto falta da minha avó'' eu senti uma pontada. Porque é o motivo pra eu detestar as ultimas reuniões natalinas que participei. Falta da minha avó.

É foda.

:(

Food for solitude. disse...

Meus natais já não são mais os mesmos e nem me lembro de alguma vez que minha família se reuniu. Nem eu sei o que será de mim sem minha avó, só sei que será de mal a pior. Enfim, gostei do teu texto. Você escreve bem, Yasmin, não sei se já te disse.

Postar um comentário

 

Blog Template by YummyLolly.com